Hérnia de disco também afeta os cães

Doença degenerativa é comum em pets

Nossos animaizinhos também têm entre as vértebras discos localizados ao longo da coluna, exceto nas primeiras e últimas vértebras. Eles têm um papel biomecânico, de estabilizar e de amortecimento, para não permitir que uma vértebra tenha atrito com a outra.

➡️Esse disco tem um núcleo muito hidratado, que pode sofrer alteração e migrar para o canal medular, logo acima. Quando isso ocorre a medula espinhal é comprimida e o animal pode sofrer diversas alterações. Em alguns casos até mesmo parar de se locomover!

Essa doença do disco intervertebral é classificada em 8 tipos. A mais comum é a do tipo I, que acomete cães de raças que possuem membros mais curtos, os mais conhecidos são Daschshund ou Teckel. Com essas raças a degeneração pode ocorrer precocemente.

🐕  Então é sempre necessário fazer o acompanhamento de cães condrodistróficos.

Em outras raças, classificadas como não condrodistróficas, essa degeneração também pode acontecer, mas vai acontecer mais cronicamente quando o animal tem uma idade mais avançada.

Fique atento a esses sinais:

  • Seu cãozinho pode estar apresentando dor;
  • A coluna um pouco mais arqueada;
  • Fraqueza ou dificuldade em se locomover;
  • Incontinência urinária/fecal.

⚠️ Em casos extremos, o animal perde a capacidade de andar e é necessário ir emergencialmente ao veterinário.

➡️ Ao notar esses sinais, busque por veterinários ortopedistas ou neurologistas, para já fazer o exame física e de imagem.

Tratamento

Ao fechar o diagnóstico, o médico veterinário vai instituir o tratamento, que pode ser clínico, com o uso de analgésicos para controlar a dor, anti-inflamatório, repouso ou em casos graves pode ser necessário realizar cirur

Ficou com alguma dúvida? Veja como participar:

  1. Grave sua pergunta/comentário em vídeo ou áudio de máximo 1 minuto;
  2. Se não puder gravar, não faz mal! Mande mensagem de texto e, se possível, uma foto sua com seu pet para nos conhecermos melhor;
  3. Envie pelo nosso WhatsApp: (47) 99210-5080
  4. Você também pode enviar sua participação direto pelo Instagram/Facebook @nuxcell

Adicionar comentário