Toxoplasmose: o gato é realmente o vilão?

Filme tem gerando polêmica entre tutores e veterinários

Estrelado por Larissa Manoela, o longa metragem “Luli” (2021)  chegou ao serviço de streaming Netlix provocando muitas gargalhadas. Mas também gerou polêmica.

A comédia gira em torno da história de Luli (Larissa Manoela), uma estudante de medicina que ganha a habilidade de ler os pensamentos de todos ao seu redor depois de tomar um choque em uma máquina de ressonância magnética.

O filme é uma comédia criativa e leve pra toda família. Mas esta cena provovou revolta entre tutores de gatos e médicos veterinários:

Vídeo: carolinarosestolato.vet/Instagram/Netflix

Afinal, como é transmitida a toxoplasmose?

toxoplasmose é uma infecção causada por um protozoário chamado “Toxoplasma Gondii”, encontrado nas fezes de gatos e outros felinos, que pode se hospedar em humanos e outros animais.

O gato é hospedeiro definitivo da doença. Ele elimina os oocistos – formas primárias do protozoário – através das fezes. Porém, para que essas fezes se tornarem infectantes precisa de pelo menos três dias de contato com o ambiente, sofrendo ação da temperatura e da umidade.

ANM – Academia Nacional de Medicina

Então a principal forma da contrair toxoplasmose é através de água contaminada, carnes cruas ou mal passadas, mexer com jardinagem e não fazer higienização das mãos.

Muitos médicos mal informados culpam os gatos e no caso de mulheres grávidas, fala para se livrar do gato. E na veterinário é um assunto que muito médicos veterinários tentam mudar a opinião das pessoas, pois o gato é inofensivo e não o vilão”, explica Débora Melo, médica veterinária que ficou indignada e triste com a situação também.

A médica veterinária Marcela Gomes Bisinotto, postou no Instagram um vídeo emq ue acusa o filme de espalhar informação falsa:

Nós também já esclarecemos essa dúvida, no início de 2021:

Adicionar comentário